NOTÍCIAS

Finep reforça parceria com uma das maiores empresas de defesa do Brasil

29 de janeiro de 2019 às 10:27
Compartilhe essa notícia

A Finep está desembolsando R$115,5 milhões para o financiamento de três projetos estratégicos da Avibras, de São José dos Campos (SP), principal empresa integradora do Programa ASTROS 2020, do Exército Brasileiro. Com início em 2012 e previsão de término em 2023, a iniciativa contempla o desenvolvimento e o fornecimento de míssil tático de cruzeiro, foguete guiado e novas viaturas de combate.

“A Avibras, uma das maiores companhias do setor, é fundamental para a Base Industrial de Defesa (BID) brasileira. Também está lista de nossos 126 principais clientes”, ressaltou o diretor de Inovação da Finep, Rennys Frota. O Plano de Inovações Tecnológicas para o Sistema ASTROS 2020, contrato mais recente assinado com a financiadora, engloba três projetos importantes para o país. O maior deles, Inova 2020, pretende desenvolver quatro componentes para o programa do Exército: míssil de cruzeiro, sistema de foguete guiado, unidade de fogo para controle do foguete e simulador para esta unidade de fogo.

Além do Inova 2020, o financiamento reembolsável da Finep já possibilitou a modernização e unificação da planta de construção de veículos blindados da Avibras e a implantação de processo de manufatura enxuta (lean manufacturing) na empresa. “Como concentramos engenharia e laboratórios na mesma planta, aprimoramos a capacidade da nossa divisão veicular. Sem isso, não haveria desenvolvimento integrado de produto”, explicou o presidente da Avibras, João Brasil Carvalho Leite.

A melhoria na qualidade dos produtos finais resultou em aumento nas exportações da empresa, que representam cerca de 90% de seu faturamento de R$ 1,7 bilhão (2017). Hoje a Avibras é o maior fabricante e exportador de armamento e sistemas de defesa do Brasil e a única integradora dos sistemas de propulsão de foguetes e mísseis fabricados pelo país.

Subvenção econômica: novos produtos para o mercado

O apoio da Finep à Avibras vem desde a década de 1970 e vai muito além da concessão do crédito para o ASTROS 2020. Nos últimos dez anos, a financiadora financiou seis projetos de subvenção econômica (recursos que não precisam ser devolvidos) da empresa, que totalizam cerca de R$ 50 milhões. “Esse dinheiro, considerado nobre, gerou efetivamente novos produtos para a indústria. Para mim, essa é a acepção da missão da Finep”, reconheceu a vice-presidente da Avibras, Cynthia Benedetto.

Um dos contratos resultou no desenvolvimento de uma planta piloto de produção de Polibutadieno Hidroxilado (PBHT), usado em combustível sólido para foguetes, além de um laboratório de análise de resíduos da produção. O polímero também tem aplicações no mercado civil, como isolantes, selantes adesivos, impermeabilizantes, encapsulamento, revestimentos e películas.

Com o sucesso do resultado obtido pelo projeto financiado pela Finep, a Avibras assinou recentemente um contrato com o BNDES de R$ 65 milhões para construção de uma nova fábrica com capacidade de produção de 2.200 toneladas/ano para a produção do PBHT. Além de atender a projetos próprios da empresa, o produto também tem enorme potencial de exportação, uma vez que é produzido por poucos países no mundo. “Desde o início, a Finep é uma de nossas grandes parceiras, inclusive nos momentos de maior dificuldade da empresa. Não vamos prescindir da financiadora de maneira nenhuma em nossos projetos futuros”, finalizou o presidente da Avibras.

Fonte: Finep