NOTÍCIAS

Agência barco da Caixa ultrapassa 10 mil atendimentos

30 de junho de 2011 às 0:00
Compartilhe essa notícia

Divulgação/CaixaA agência Chico Mendes, da Caixa Econômica Federal, já realizou mais de 10 mil atendimentos à população ribeirinha do Rio Solimões (AM), desde janeiro deste ano. A Agência Barco, como também é conhecida, completou seis meses de atuação em 12 de julho, e está em sua sexta viagem. A unidade é a primeira embarcação dedicada a uma agência bancária no Brasil.

Durante o período, foram realizados cerca de 3 mil atendimentos relativos a programas sociais, como Bolsa Família, Cartão do Cidadão, saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e cadastramento do Programa de Integração Social (PIS). Foram abertas 1.500 contas nas modalidades Caixa Fácil, poupança e corrente de pessoa física e jurídica. Com mais de 1.200 m², a unidade também oferece habitação de interesse social, microcrédito produtivo orientado, produtos como Construcard Caixa, crédito consignado e cartões de crédito.

A Agência Chico Mendes partiu no dia 7 de julho de Manaus, passou por Careiro da Várzea e Iranduba. Nesta terça (12), está na cidade de Manaquiri (AM). Até o dia 29/07, ainda passa por Anamã, Beruri, Anori e Codajás, conforme cronograma abaixo.

Reprodução 

Agência Chico Mendes

A agência, que é um projeto piloto da Caixa, atende no Rio Solimões, no trecho Manaus-Coari. A área atendida abrange os municípios de Careiro da Várzea, Iranduba, Manaquiri, Anamã, Beruri, Anori e Codajás, com 153 mil habitantes, pouco mais de 4% da população do estado do Amazonas, segundo dados do IBGE de 2010. A área somada dos municípios é de 53 mil km², um território 28% maior que a Suíça.

A embarcação, autossuficiente para navegar por 23 dias seguidos, tem recursos de acessibilidade para pessoas com necessidades especiais ou mobilidade reduzida, bem como idosos e gestantes. Conta com separação de lixo para reciclagem e dejetos secos, casco pintado com tinta não poluente e sua própria estação de tratamento de efluentes de esgoto, que permite lançar, no rio, água 100% tratada. Além disso, utiliza iluminação à base de LED, que economiza cerca de 50% de energia, quando comparada com lâmpadas convencionais, e não contêm mercúrio.

Fonte: Caixa.