BLOG

A PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA COMO RECURSO DE PLANEJAMENTO EM ESTRUTURAS DE CIDADES

17 de março de 2020 às 13:23
Compartilhe essa notícia

Em 2013, a Desenbahia realizou a estruturação do projeto do metrô de Salvador, visando a contratação da modelagem econômico-financeira, com o recurso do Fundese, fundo estadual gerido pela agência de fomento. Posteriormente, o BNDES financiou R$ 2 bilhões no âmbito da PPP que está realizando a expansão da linha 1 e a construção da linha 2. Além de geração de empregos, a obra implicou no aumento do atendimento da alta demanda por transporte de massa, pois será possível transportar até 40 mil passageiros durante o  horário de  pico.

O BNDES contribui para o planejamento setorial e a estruturação de projetos com o objetivo de aumentar os investimentos e a qualidade da infraestrutura no país. As PPPs de iluminação pública são um bom exemplo disso, uma vez que a partir da reformulação do parque instalado, permitem uma sensível melhora na qualidade dos serviços prestados à população. Isso porque os projetos utilizarão componentes com menor impacto ambiental e novas tecnologias que proporcionam efetiva redução no consumo de energia, contribuindo para a preservação do meio ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *